quinta-feira, 15 de abril de 2010

Viver a vida

Vou confessar aqui no meu divã-virtual:

Assisto à novela das oito (que é às nove!) todos os dias só pra ver os depoimentos do final. Mas também confesso que quando a novela começou critiquei:

- Que falta de originalidade do Manoel Carlos, ele já fez isso em uma novela anos atrás!

Mordi a língua. E a cada final de capítulo me pego segurando um engasgo. Às vezes chego a soluçar. Muitas histórias puxam a cordinha de algum sentimento guardado nem sei aonde, e fazem fluir uma cachoeira de emoções. A primeira coisa que penso é na coragem daquelas pessoas em expor suas feridas, na maioria ainda abertas, para milhares de pessoas. Milhares de cabeças e seus julgamentos.

Mas me dou conta que quem passa por uma fogueira, sai vendo a vida de outra maneira. Sai mais forte e menos preconceituoso. Sem se preocupar tanto com a pequenez do “o que os outros vão pensar”. Esse sentimento estranho, que nos aprisiona, nos tira a liberdade de ousar. Percebi que na maioria dos depoimentos, as pessoas foram ao fundo do poço, para depois ressurgirem com a força de fênix. São lições cotidianas de vida. Sem grandes roteiros, mas escritas nas esquinas por onde passamos diariamente.

E o mais incrível disso tudo, é que não paramos para pensar no verdadeiro valor de cada dia. Dormimos e acordamos sem agradecer pelo fato de caminharmos. Por termos dois olhos que enxergam. Pelo simples fato de não termos dependência química de nenhuma droga. Por termos nossos entes queridos ao lado. Por nada ter nos acontecido da hora que acordamos até a hora de dormirmos.

Me dou conta a cada capítulo dessa novela, o quando é preciosa essa vida. E o quanto banalizamos sem querer, o seu significado. A honra de estarmos aqui e agora. E me pego pensando coisas malucas, que vão desde a morte até o segredo que se esconde atrás dela.

E quando me dou conta de tudo isso, quero usufruí-la com mais intensidade. Quero amar mais, ter mais paciência, menos intolerância, mais tranqüilidade.

Quero simplesmente ter a exata noção do quanto é urgente Viver a Vida!

2 comentários:

Lu Gastal disse...

hhehehehehe! eu também ADORO os depoimentos da novela... é um ótimo momento prá gente ver como o ser humano se supera nas dificuldades....
beijão, nos vemos!

Babi disse...

Oi, cheguei aqui através do blog d Lu Gastal, simplesmente adorei seu blog...já o li quase todo... Concordo com muitos dos seus pensamentos e dos seus medos...tenho um filhote de 5 anos,lindo e saudavel, graças a Deus, mas depois dele, viver cada dia intensamente é nosso lema...Muitas vezes me pego soluçando no final da novela...
É incrível como essas figurinhas mudam nossas vidas né...
Vou te seguir e voltarei sempre...
Sorte e saúde para su Sofia!